quarta-feira, 16 de maio de 2018

Estudante é acusado formalmente de matar brasileiro em universidade dos EUA

A Justiça americana acusou formalmente o estudante preso por matar a facadas o brasileiro João Souza, de 19 anos, no dormitório da Universidade de Binghamton, nos Estados Unidos. Segundo informações do jornal O Globo, Michael M. Roque, de 20 anos, vai responder no condado de Broome, em Nova York, por homicídio em segundo grau, que é a terceira acusação mais grave do tipo no país, depois do homicídio em primeiro grau e do homicídio qualificado. Roque pode pegar pena de 25 anos à prisão perpétua pelo caso, que aconteceu no último dia 15 de abril. A Promotoria não revelou a motivação do ataque, mas a polícia da universidade informou que não foi um ato aleatório. 

Informações do jornal O Globo
Deixe um comentário